quarta-feira, junho 29, 2011

Carlos Drummond de Andrade comenta sobre o seu vício no CRACK:


Carlos Drummond de Andrade comenta sobre o seu vício no CRACK:


"No meio do caminho tinha uma pedra


tinha uma pedra no meio do caminho
tinha uma pedra
no meio do caminho tinha uma pedra.

Nunca me esquecerei desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas.
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
no meio do caminho tinha uma pedra."


Frases de Mao-humor insektoriano


INSEKTO

Nenhum comentário: